#comocombater

Como combater a ansiedade

O mal da ansiedade.

Quem sofre de ansiedade sabe o quanto é triste e o quanto pode atrapalhar nossos dias. Nem muita gente entende, muitos acham que não é nada, uns acham que é graça, e por ai vai. Mas não é nada disso, é algo que vem de dentro e muitas pessoas não conseguem controlar. A ansiedade afeta em torno de 9,3% da população do país e ela surge por conta de diversos motivos. Para você ter ideia, em 2018 o Brasil foi considerado o país mais depressivo e ansioso da America Latina, triste né? Pois é. Dentre as causas, podemos considerar: traumas, estresse, depressão, dentre outros. Muitas vezes a ansiedade anda junto com a depressão, pois uma condição pode desencadear a outra.

A ansiedade pode surgir em diferentes situações, cada pessoa tem seu jeito, as vezes com coisas específicas ou as vezes até mesmo com diversas situações. Pode ser por medo: aquele medo constante, as vezes de algo simples que se for parar para pensar nem faz sentido, mas que chega de modo inesperado e incontrolável. Pode ser por preocupação: que chega a passar o final de semana todo preocupado com uma apresentação que tem na Terça-Feira, ou uma reunião, ou algo no tipo. E ao invés de aproveitar e descansar, fica em casa roendo as unhas e criando ácido gástrico no estômago e gerando uma futura úlcera. O que leva também a dificuldade de dormir porque você não consegue desconectar seu pensamento do que está te incomodando, te levando a ter pesadelos e pensar no maldito até nos seus sonhos, no seu único momento que era para ser relaxante e tranquilo. Que gera o cansaço excessivo, o esgotamento mental. Sem contar as arritmias que do nada seu batimento vai para 200 e parece que você vai infartar e cair duro. Seu Apple Watch chega até a perguntar se você está bem! rs. E, tudo isso prejudicando o seu lindo coração, seu corpo e sua alma.

E o que fazer nesses momentos? O que pensar para aliviar?

O mais importante de tudo é controlar a respiração. Mas quem disse que na hora a gente consegue né? Mas consegue sim. Minha mãe foi aeromoça e ela sempre deu uma boa dica para quem precisou no momento de ansiedade no avião, então, apenas em caso de pico: pega uma saco de papel (igual aqueles que vomita no avião >.<), e respira dentro dele, coloca a boca e o nariz. Respira fundo e solta dentro do saco e respira o mesmo ar e vai indo até se acalmar. A ideia por trás dessa prática é aumentar os níveis de dióxido de carbono. A hiperventilação faz com que o corpo expulse muito dióxido de carbono, e a “re-respiração” do ar expirado ajudaria a recuperar esse gás perdido. Só não confunda hiperventilação com ataque cardíaco hein, pelo amor.

Tente fazer relaxamentos pelo menos uma vez ao dia ouvindo músicas de meditação, som da natureza, passarinhos. 

Procure distrair seus pensamentos fazendo algo que você goste. Talvez uma leitura, uma série, ir para a academia, nadar, passear no parque, brincar com os cachorros ou gatinhos, escrever, jogar vídeo game, fazer yoga, meditar … existem mil coisas legais para se fazer. A vida não se baseia em uma coisa só, muito menos em uma coisa só, que ainda por cima, seja ruim.

Cuide de seus pensamentos para sorrir mais, pense em coisas alegres da vida, pense em coisas legais! Em momentos de muitas risadas. Não direcione seu pensamento para pessoas ruins, para momentos que foram ruins. Lembre-se que nada deve tirar de você, a sua paz. Imagina ficar pensando o tempo todo na pessoa que não gosta de você, ou no trabalho que não vai bem, etc. Vale a pena? Primeiro que essa pessoa está pouco se importando com você, deve estar provavelmente se divertindo, fumando um cigarro, pensando no dinheiro que ta entrando na conta e só. Pensa que você fez a sua parte, pensa que você deu o seu melhor e ninguém nesse universo vai atrapalhar o seu dia. Você é um bom amigo, você é um bom funcionário, você é um bom filho. Porque se preocupar com gente que não se importa com você e pensar e se estressar com situações que não vão te agregar em nada? Crie pensamento mais leves. Sua vida vale mais.

Confie em si mesmo, você é muito mais do que pensa que é. Confie no seu taco. Lembre da força que seus pais te deram, das lições, ensinamentos, você foi bem criado por alguém, seja quem for, alguém te deu sabedoria. Um professor ou até os aprendizados da vida. Só você sabe o que você já passou, acha mesmo que você é fraco? Depois de tudo que passou? Você é forte e deve expor essa força. Deve ser respeitado. Confie e acredite e assim saberá lidar melhor com a ansiedade do dia a dia.

Mantenha o foco no presente, assim você consegue pensar e raciocinar melhor. Quando você permite que sua mente passeie entre o passado e o futuro você se perde e não se concentra no presente, que é o momento mais importante. Você estar com a mente em algo que tem que acontecer em 5 dias só vai de deixar pior e não vai te adiantar de nada. Ao contrário, você irá praticamente perder 5 dias, que serão 5 dias totalmente estressantes. Caso no dia não de certo, então não deu, vida que segue, Deus sabe o que faz. Não era para ser. Vai se esquentar atoa? Pensa no presente, as vezes deixamos muitas coisas passar, como momentos com pessoas que amamos, família, amigos. Por estresse de outros assuntos? Deixa isso para lá, fique com quem te ama e te quer bem no presente, todos os dias.

E o mais principal de todos: DEDIQUE TEMPO PARA SE CUIDAR! Dedique um pouco de tempo e energia em você mesmo. Você gasta tanta energia com os outros e em situações. Você tem um corpo, uma saúde, uma alma a ser preservada. E ninguém além de você pode fazer isso. Pare e reflita sobre esses pontos. Deite na sua cama, ligue uma musica relaxante, feche os olhos e pense em você, em suas metas da vida, como alcança-las. Pense na sua saúde, o que pode fazer para melhora-la. Digo também a sua saúde mental, o que você pode fazer para melhora-la? Pense. Reflita.

Tente conversar com alguém, falar com alguém que você goste, um amigo, algum familiar. Converse com alguém que te entenda. As vezes é necessário conversar e botar para fora tudo que está sentindo. Não adianta guardar para si mesmo com medo do que os outros vão pensar, é só você falar com a pessoa certa. Ouça as pessoas experientes, as pessoas vividas, peça concelhos aos seus avós se ainda tiver, seus pais, tios, professores. São pessoas que já viveram muito e sabem da vida. E acredite no que dizem, por mais que você ouça um: manda essa pessoa a merda. Acredite! Com certeza é isso que você tem que fazer para se libertar.

Vamos conversar, deixe aqui nos comentários o que te incomoda e o que você faz para combater?

Beijo no coração de vocês e foda-se a ansiedade. Ihuuul!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *